Vereadores participam de atos em comemoração aos 463 anos de São Paulo

DA REDAÇÃO

Os vereadores da Câmara Municipal de São Paulo participaram nesta quarta-feira (25/1) do ato cívico no Pateo do Collegio e da missa solene na Catedral da Sé, região central, em comemoração aos 463 anos da capital paulista.

Durante os eventos, os parlamentares mostraram-se otimistas em relação à gestão do prefeito João Doria (PSDB) e com a renovação de 40% dos vereadores da Câmara. “São 22 novos vereadores e de quatro mulheres fomos para 11. Nunca tivemos tantos vereadores novos em uma mesma legislatura. Vamos esperar um pouco e trazer essa nova realidade que é da cidade para a Câmara”, argumentou o presidente em exercício do legislativo paulistano, o vereador Eduardo Tuma (PSDB).

O vereador Adilson Amadeu (PTB) acredita que as transformações que acontecerão em São Paulo nos próximos anos são para a melhor. “A Câmara e a população têm um novo governo e  com posições positivas. Estamos tentando fazer o melhorar no dia a dia para resolver o que a população precisa, saúde, moradia, educação e segurança”, disse.

Para o vereador Quito Formiga (PSDB), essa gestão vai entrar para a história. “A esperança é que possamos deixar São Paulo melhor e para isso os paulistanos precisam se unir a nós para que essa cidade se mostre lindo como sempre foi”, sinalizou.

O vereador mais novo da Câmara, Fernando Holiday (DEM), quer garantir o espaço de debate no legislativo. “Acredito que por conta da grande renovação vamos ter algumas mudanças nessa próxima gestão e pretendo promover debates nas mais diversas áreas e contribuir para o ativismo político”, argumentou.

O secretário do Verde e do Meio Ambiente, Gilberto Natalini (PV), contou que algumas ações para garantir essas melhorias esperadas pelos vereadores e pela população foram iniciadas. “É um governo ativo e célere. Iniciamos a recuperação de 22 dos 107 parques estavam com pouca vigilância, sem manejo, grades e iluminação. Por exemplo, no Parque da Independência”, detalhou.

O vice-prefeito, Bruno Covas, sinaliza que as conquistas serão possíveis por meio do diálogo. “A nossa gestão é mais próxima da população e estamos na rua conversando com as pessoas em busca de alternativas para os problemas de sempre, por meio de parcerias. Queremos somar esforços para atacar questões cruciais, como segurança, saúde e geração de emprego e renda. A nossa relação será igual com a Câmara, onde estaremos mensalmente para conversar com os vereadores, aperfeiçoar os projetos e ter uma relação harmoniosa com todos eles”, disse.

O governado de São Paulo, Geraldo Alckmin, revelou sua felicidade por participar das comemorações do aniversário da capital paulista. “Estamos aqui para agradecer e pedir benção sobre a nossa cidade, que se transformou na terceira maior metrópole do mundo. Aqui é a capital do trabalho, onde as pessoas veem do mundo inteiro em busca de oportunidades. Estamos trabalhando junto com o povo para melhorar a vida da população. Parabéns, São Paulo”, declarou.

O prefeito de São Paulo, João Doria, reforçou seu compromisso com a cidade e com a sociedade. “Desejamos que a capital possa ser protegida e o compromisso de nós, dirigentes, é com os mais pobres e humildes. Os que gostam da cidade são solidários, protegem o meio ambiente e os mais pobres e humildes. Esse é o nosso compromisso e volto a expressá-lo aqui na Catedral”, disse.

São Paulo para os vereadores e prefeito

O presidente em exercício da Câmara, Eduardo Tuma, sinalizou para o fato de a cidade ser acolhedora. “O município não é somente dos paulistanos, mas sim de todos aqueles que vieram para cá em busca de melhores oportunidades, fazendo com que São Paulo tenha se tornado a maior cidade do país”, argumentou.

Paulistano, Tuma se identifica como um fã da capital. “Sou da cidade e apaixonado por ela como um todo. Para mim, o centro é um dos lugares mais bonitos e a minha expectativa é que ele seja revitalizado”, acrescentou.  O mesmo disse Holiday, que nasceu na Brasilândia, zona norte. “O centro e a Paulista são os lugares que mais gosto”, revelou.

Nascido no Brás, centro de São Paulo, Adilson Amadeu disse que tem um grande carinho pelo seu bairro. “A minha família chegou à capital em 1893 e estamos aqui até hoje. Sou fá dessa cidade que respeita todos os povos e recebe todos de braços abertos. Sou apaixona pelo meu Brás”, contou.

O vereador Quito FormiGA é mais um parlamentar paulistano. Para ele, a cidade é muito rica. “A Paulista e o Theatro Municipal são os locais que acho mais bonitos principalmente pelos espetáculos e música clássica”, disse.

O secretário do Verde nasceu no Rio de Janeiro (RJ) e mudou ainda criança para São Paulo. “Eu não tenho nem mais sotaque carioca e me orgulho dessa cidade e vamos fazer de tudo, principalmente pelo verde, para corresponder às expectativas da população”, sinalizou.

Para o vice-prefeito, a Paulista é o local que ele mais admira. “Nasci em Santos (SP) e vim na adolescência para a capital. Acho que a Paulista é o local que todos do Brasil conhecem”, argumentou.

O prefeito Doria contou que não poupará esforços para fazer a o melhor pela capital. “Sou filho de nordestino e nasci aqui. Amo a minha cidade e vou fazer de tudo para preserva-la”, disse.

Confira também na matéria da TV Câmara:

Veja também