Comissão do Meio Ambiente encerra 2017 com aprovação de requerimentos

Luiz França/CMSP

Última reunião da Comissão de Meio Ambiente de 2017 ocorreu nesta quinta-feira

ELDER FERRARI
DA WEB RÁDIO CÂMARA

A Comissão Extraordinária Permanente do Meio Ambiente encerrou suas atividades em 2017 nesta quinta-feira (7/12). E na última reunião ordinária do ano, os vereadores da Comissão aprovaram três requerimentos do vereador Gilberto Natalini (PV). Entre eles, o que pede uma Audiência Pública para tratar da atual situação do Parque dos Búfalos, no extremo sul de São Paulo.

Gilberto Natalini disse que essa Audiência Pública atende a uma reivindicação dos moradores da região, depois de uma vistoria que ele fez com outros dois vereadores no parque.

“A população pediu uma Audiência Pública para ouvir a Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente para que ela apresente o projeto do parque. A Audiência será realizada no ano que vem aqui ou lá na área do Parque dos Búfalos.”

O vereador Natalini também informou que a Favela da Fumaça, que fica na região do Parque dos Búfalos, que tem cerca de 50 mil metros quadrados, será incorporada ao Parque.

“O secretário da Habitação Fernando Chucre concordou em retirar as pessoas da favela e colocá-las no Conjunto Habitacional. E a EMAE (Empresa Metropolitana de Águas e Energia S.A.), proprietária da área, aceitou cedê-la para o parque.”

Os outros dois requerimentos aprovados do vereador Natalini tratam da realização de um Simpósio sobre a drenagem da cidade e da visita a uma projeto piloto de plantio de duas mil árvores na área do City Butantã, na zona oeste da cidade. As mudas foram cedidas pela sociedade civil da região. Todos esses requerimentos serão executados em 2018.

Balanço 2017

O presidente da Comissão Extraordinária Permanente do Meio Ambiente fez um balanço positivo de 2017. Reginaldo Trípoli (PV) disse que o ano foi bem produtivo porque o trabalho foi focado em questões fundamentais para a cidade de São Paulo.

“A questão do clima, com relação à mudança do combustível fóssil no transporte público, a discussão da proteção dos animais e do papel do zoológico no século 21, e o Parque dos Búfalos, entre outros assuntos. Nós levantamos questões para que a São Paulo possa ter uma melhor qualidade de vida.”

Participaram da Comissão Extraordinária Permanente do Meio Ambiente em 2017 os vereadores Reginaldo Tripoli (PV), Rodrigo Goulart (PSD), Alessandro Guedes (PT), Atilio Francisco (PRB), David Soares (DEM), Zé Turin (PHS) e Fabio Riva (PSDB).

Deixe uma resposta:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também