Câmara Municipal de São Paulo receberá debate sobre Febre Amarela

 DA REDAÇÃO

A Câmara Municipal de São Paulo, através do gabinete do vereador Gilberto Natalini (PV), realizará mais um “Ciclo de Debate Município Saudável”, com o tema “Febre Amarela: suas causas e consequências”, nesta sexta-feira (23/02), a partir de 9h, no Auditório Prestes Maia, do Palácio Anchieta.

Os palestrantes serão: Marcos Boulos, responsável pela Coordenadoria de Controle de Doenças da Secretaria do Estado de São Paulo e Cristina Shimabukuro, diretora da Covisa (Coordenadoria de Vigilância em Saúde) da Prefeitura de São Paulo. A febre amarela voltou a chamar a atenção no início do ano, depois que casos em macacos e humanos voltaram a ser registrados no País.

Em São Paulo, a Secretaria Municipal de Saúde informou na sexta-feira (16/02) que foram registrados quatro novos casos autóctones (contraídos no próprio Município) de febre amarela silvestre na capital, totalizando cinco casos, sendo que desses, três morreram. Todas as vítimas são moradoras ou pessoas que frequentaram áreas próximas à Serra da Cantareira, na Zona Norte.

Vacinação

A Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo divulgou nesta segunda-feira (19/02) o resultado do dia D da campanha de vacinação contra a febre amarela na cidade. Durante todo o sábado (17), foram vacinadas 47.374 pessoas na capital. Desde o início da segunda fase da campanha, 1.564.084 pessoas foram imunizadas contra a febre amarela.

O número está bem abaixo da meta, segundo a prefeitura, e representa menos de 50% do total de pessoas que deveriam ser vacinadas nesse período – 3,9 milhões de pessoas.  A previsão é que esta fase da campanha de vacinação contra a febre amarela seja encerrada no próximo sábado (24).

Serviço

Ciclo de Debate Município Saudável – Febre Amarela
Data: 23/02
Horário: 9h
Local: CMSP- Auditório Prestes Maia – Viaduto Jacareí, 100- 1º andar

Veja também